Saiba como escolher o dentista ideal para cada tipo de tratamento

Beautiful smile and white teeth of a young woman. Matching the shades of the implants or the process of teeth whitening.

O sorriso é o nosso cartão de visita e grande parte das pessoas tem algum detalhe que gostaria de mudar nele, seja por um fator estético ou por uma necessidade. Porém, na hora de escolher um profissional, é preciso saber mais sobre sua especialidade e se ela corresponde ao que você precisa no momento. Mas, então, como escolher um dentista?

No post de hoje, você vai conferir algumas das situações mais comuns relacionadas à saúde e à estética bucal, qual é o profissional ideal para tratá-las e por que. Lembrando que é ideal que, diante de qualquer problema bucal, você procure a avaliação de um dentista clínico para que ele possa encaminhar seu caso para um especialista.

“Tenho que colocar implantes”

Hoje em dia os implantes são excelentes alternativas para quem não tem todos os dentes e deseja se desfazer de próteses móveis, para ter mais liberdade, se alimentar com mais conforto e sorrir sem medo.

Para realizar o implante, o profissional ideal é o dentista especializado em implantodontia, um segmento da odontologia que visa substituir os dentes que já não estão mais fortes e saudáveis por próteses fixadas na estrutura óssea do paciente.

“Preciso tirar o dente do siso”

Para fazer a exodontia, ou seja, a extração do terceiro molar, também conhecido como o dente do siso, o profissional mais indicado é o bucomaxilofacial ou um cirurgião-dentista que tenha experiência na realização deste procedimento.

“Desejo fazer um clareamento dental e uma limpeza”

A limpeza ou profilaxia deve ser feita de 6 em 6 meses. Já o clareamento dental é um procedimento que traz excelentes resultados, mas pode deixar os dentes sensíveis, portanto, é imprescindível procurar um cirurgião-dentista para analisar o caso e indicar o melhor tipo de clareamento. Ambos os casos podem ser resolvidos pelo mesmo profissional — tanto a profilaxia, quanto o clareamento.

“Gostaria de deixar meus dentes mais bonitos e maiores”

As facetas e lentes de contato dentais são as mais novas queridinhas do público quando o assunto é deixar os dentes maiores e com aparência mais saudável. Um cirurgião-dentista especializado em estética pode resolver esse problema, indicando qual procedimento é ideal para o seu caso.

“ Quero colocar aparelho”

Os dentes tortos não são apenas uma questão de estética. Dependendo do caso, a mordida pode estar comprometida, atrapalhando a fala, a mastigação e até empurrando outros dentes, o que pode trazer consequências futuras desagradáveis.

Por isso, para fazer uma avaliação e saber se o seu caso pode ser resolvido com a colocação de um aparelho, o ortodontista é o profissional mais indicado. Ele vai avaliar e pedir exames para saber indicar o tipo de aparelho que consertará a mordida e voltará os dentes para a posição correta.

Como escolher um dentista bom independente da especialidade?

Agora que você já sabe que tipo de especialidade o dentista deve ter para atender suas necessidades, é preciso ficar atento aos detalhes para fazer a melhor escolha.

Preste atenção à limpeza do ambiente, verifique se o dentista dá todas as explicações para solucionar suas dúvidas, se você se sente confortável em ser atendido por esse profissional e observe com atenção toda a estrutura do local: desde o uso de gorro e luvas de dentistas e auxiliares até a esterilização de todos os materiais.

Analisar o que precisa ser feito na sua boca e avaliar o local de trabalho do profissional são as principais dicas sobre como escolher um dentista. Cada especialidade estuda as soluções ideais para os problemas relacionados a ela e por isso, é muito importante procurar o profissional certo e, principalmente sentir confiança em quem está trabalhando com seu sorriso.

O implante pode ser usado por qualquer pessoa, exceto fumantes. Essa exceção se dá pelo fato de fumantes terem chance maior de rejeitarem um implante, já que o cigarro pode comprometer justamente a área onde deve ser feita a operação.

O implante também é vantajoso se comparado às próteses, já que elas podem atrapalhar e machucar na hora de comer. Já o implante, além de não incomodar durante as atividades corriqueiras, também proporciona um sorriso muito mais natural.

Quais são suas principais diferenças?

Normalmente, as pessoas que aderem ao uso de implante dentário o fazem justamente por saberem que estes aparelhos são muito discretos e não causam incômodos. Além disso, os implantes duram mais tempo — alguns mais de 20 anos!

Por outro lado, as próteses são de duas a três vezes mais baratas que os implantes —esse é um fator que pode pesar na decisão.

Em relação à manutenção, ambos os tratamentos exigem que os pacientes se programem para ir ao dentista pelo menos uma vez a cada três meses.

Nesse contexto, vale lembrar que, para escolher o melhor método, é importante conhecer os fatores que o levaram a procurar este tipo de ajuda, além de ser necessário ter conhecimento sobre seu histórico médico, dentre outras questões.

Em outras palavras, só o dentista poderá indicar qual é o tratamento mais apropriado para o problema que você está enfrentando, levando em conta sua saúde bucal de modo geral.

Gostaria de compartilhar em sua rede social?

É só clicar no ícone ao lado para compartilhar

Site criado pela Eriansoft - Todos os direitos reservados.