Prótese dentária móvel: os tratamentos e tipos de pontes removíveis.

Protese Dentaria Movel

A prótese dentária móvel, na técnica com ponte removível, é uma entre várias alternativas para reabilitar indivíduos com perdas dentárias. Conheça os tratamentos e novos tipos de dispositivos móveis para melhorar os resultados estéticos, conforto e mastigação.

Prótese dentária móvel, uma técnica associada a dificuldades e frustrações.

A vida do portador de prótese dentária móvel é repleta de dificuldades e frustrações. Não bastassem os problemas de adaptação, também é preciso conviver com limitações estéticas e receios para deslocamentos frequentes. A situação é tão complicada que uma parte considerável destes indivíduos já chega ao consultório odontológico com quadro de depressão e baixa autoestima – um problema que requer informação adequada.

O mais importante é saber que o tratamento e a adaptação à prótese dentária removível não precisam ser tão complicados assim. Levando em conta as indicações e técnicas atuais, dá, sim, para trocar as pontes móveis sem complicações que possam levar à desistência antes mesmo das primeiras semanas de uso do dispositivo.

Protese Removivel Convencional
Grampos metálicos desafiam a estética do sorriso e podem prejudicar os dentes que os suportam.

 

 

Condições desfavoráveis ao tratamento com ponte móvel.

A indicação incorreta para tratamento com prótese dentária móvel é o fator que mais colabora ao insucesso na terapia com dispositivos removíveis. Em outras situações, não tem jeito mesmo: a técnica com ponte removívelnão irá funcionar. Conheça as principais condições que contribuem para dificultar a adaptação e uso confortável da ponte móvel:

✓ gengivas finas e delicadas;

✓ pacientes acima dos 60 anos de idade;

✓ ausência de dentes posteriores;

✓ reabsorção óssea nas áreas com perdas dentárias;

✓ doença periodontal;

✓ condições psicológicas desfavoráveis;

✓ falta de aceitação das limitações estéticas e funcionais da prótese móvel.

Protese Dentaria Removel Grampo Metal
A existência de dentes posteriores para apoiar a prótese móvel aumentas as chances de sucesso do tratamento com ponte móvel.

 

 

Os tipos de próteses dentárias móveis.

O sucesso do tratamento com prótese dentária móvel começa pela seleção do tipo mais adequado do dispositivo. Comparadas à prótese dentária fixa, as alternativas removíveis são restritas mas podem ser a última esperança para melhorar os resultados estéticos e mastigatórios para muitos indivíduos. Conheça os tipos de dispositivos móveis disponíveis.

prótese dentária móvel convencional

Conhecida como PPR (prótese parcial removível), é a técnica mais utilizada. Resina acrílica sobre liga metálica são os materiais predominantes, e utiliza grampos para melhorar a retenção aos dentes – um problema que além de prejudicar a estética pode comprometer os dentes de suporte.

As vantagens desta técnica são o baixo custo e a rapidez no tratamento. Já as desvantagens ficam por conta da insatisfação com os resultados estéticos e mastigatórios e a perda de autoestima – reclamações cada vez mais frequentes e que preocupam quando a prótese móvel, por motivos diversos, é a única opção para reabilitar arcadas com dentes perdidos.

protese dentária móvel com encaixe (sem grampos)

O uso de encaixes para prender ponte móveis a coroas dentárias em porcelana permite ao dentista eliminar os grampos metálicos e ainda melhorar a retenção do dispositivo protético. O preço mais elevado do tratamento, porém, faz dessa técnica uma alternativa para indivíduos que não podem ser submetidos a tratamento com prótese dentária fixa em porcelana por problemas psicológicos ou de saúde.

Outra indicação para a técnica com prótese removível sem grampos é a substituição de dispositivos protéticos que já estão elaborados nesta técncia e mostram-se satisfatórios quanto aos resultados estéticos e de mastigação

 

Protese Dentaria Movel Com Encaixe
Protese dentária removível com encaixe: nesta técnica, os grampos metálicos externos estão ausentes.

 

 

prótese dentária móvel sobre implantes ósseointegrados.

Dentaduras presas a implantes dentários são alternativas para indivíduos que perderam todos os dentes – entre elas, a dentadura fixa é a que traz resultados mais compatíveis com os desejos dos portadores de dispositivos removíveis. Apesar de ainda disponível, a técnica sobre com prótese parcial removível sobre implantes ósseointegrados não traz vantagens frente à versão fixa em porcelana, motivo pelo qual este tipo de dispositivo foi descontinuado.

prótese dentária móvel flexível (grampo estético)

A procura por tratamentos com prótese dentária móvel confeccionada com material flexível é até mesmo superior à versão tradicional com metal. E com razão, já que os resultados estéticos superiores podem ser a solução para indivíduos que expõem os grampos metálicos da versão tradicional.

Apesar da facilidade para harmonizar o sorriso, o uso de material flexível traz desafios à adaptação e restrições à indicação do tratamento. As indicações para a técnica vão para indivíduos com poucas perdas dentárias e para reabilitações restritas à arcada superior.

 

Prótese Dentária Com Grampo Invisível Ou Estético 1
Grampos estéticos diminuem o impacto negativo da técnica com ponte móvel.

 

 

prótese dentária móvel em silicone

Derivada da prótese dentária flexível, a técnica com silicone é uma versão cujo material para confecção do dispositivo, aparentemente, traz mais conforto mastigatório – o que quase sempre não corresponde ao que se vê na prática clínica. A diferença para versão flexível é apenas o tipo de material utilizado, não refletindo melhoras às limitações da técnica com grampos estéticos.

Prótese dentária flexível não funciona para todo mundo.

A possibilidade para eliminar o grampo metálico que prende-se a dentes naturais faz da prótese dentária flexível uma alternativa para quem exige resultados estéticos máximos. O material utilizado neste dispositivo é o polipropileno, um polímero plástico que entrega resistência moderada e flexibilidade que pode frustar pelas limitações.

A ponte móvel flexível, apesar dos resultados estéticos superiores, é de difícil adaptação comparada à técnica com grampos metálicos. As indicações, restritas, são para reabilitações em arcada superior e em indivíduos com poucas perdas dentárias situadas entre dentes anteriores e posteriores. O uso de dispositivos protéticos com flexibilidade para reabilitar arcadas inferiores raramente resulta em pacientes satisfeitos, motivo pelo qual deve ser evitado.

IMG 4342
Prótese dentária flexível traz desafios à adaptação ao dispositivo móvel.

 

 

Durabilidade precisa ser levada em conta antes de iniciar o tratamento.

A durabilidade de próteses dentárias é um fator que precisa ser levado em conta na hora de selecionar a melhor técnica. Apesar do preço inicial mais baixo, a técnica móvel requer substituições frequentes – o tempo recomendado para trocas é de quatro em quatro anos.

Fraturas de grampos e das partes acrílicas são situações frequentes após quedas ou mastigação de alimentos rígidos. Perda do brilho e escurecimento das partes estéticas são outros problemas que precisam ser levadas em conta na hora de escolher o tipo de prótese parcial removível.

Prótese dentária móvel ou fixa, qual a melhor?

A diversificação nos tipos de próteses dentárias fixas disponíveis traz alternativas cada vez mais personalizadas. Desde a recuperação de dentes escurecidos após tratamento de canal a até jaquetas e coroas com resultados semelhantes a lentes de contato dental, o uso de dispositivos fixos para reabilitar áreas com dentes ausentes coloca o uso de pontes móveis em segundo plano.

Atualmente, as justificativas para uso de prótese móvel são o custo mais elevado do tratamento, fobias para procedimentos com implantes dentários ou limitações anatômicas. A seleção mais criteriosa entre prótese dentária móvel ou fixa deve ser realizada após exames radiográficos, clínicos e psicológicos do paciente.

Passo-a-passo e tempo de tratamento.

O passo-a-passo do tratamento com prótese dentária móvel depende da técnica a ser utilizada. Para dispositivos tradicionais com armação metálica e bases acrílicas, são necessárias entre três a cinco consultas. Já para a ponte móvel com encaixes presos a próteses dentárias fixas em porcelana, o tempo de tratamento dá-se entre 30 a 60 dias – a etapa fixa não pode ser realizada concomitante com a móvel.

Recuperando gengivas  machucadas e inflamadas.

Dor e dificuldade para mastigar são reclamações frequentes do portador de prótese dentária móvel – na maioria dos casos, as gengivas estão machucadas. A recuperação dos tecidos moles em contato com a base de pontes móveis e dentaduras é essencial para que os resultados finais do tratamento minimizem os traumas crônicos às gengivas – um problema que pode causar ou exacerbar lesões malignas da cavidade oral (câncer bucal).

As doenças gengivais infecciosas associadas à bactérias (gengivite e periodontite), além dos riscos para perdas dentárias, podem ser a causa para doenças cardíacas e respiratórias. O tratamento gengival prévio ao tratamento com ponte dentária móvel é indispensável para melhorar até mesmo as áreas em contato com bases acrílicas e grampos metálicos.

Alternativas fixas com porcelanas trazem mais estética e conforto.

substituição de ponte móvel por prótese dentária fixa é uma alternativa com resultados estéticos e mastigatórios mais eficientes. Fixada sobre dentes naturais ou implantes dentários, o tratamento elimina a etapa de adaptação, uma parte complicada da terapia com ponte removível que, por si só, já justifica o uso de dispositivos protéticos fixos.

prótese dentária fixa sobre dentes

Nesta técnica, os dispositivos protéticos são fixados sobre dentes naturais vizinhos às áreas com perdas dentárias. É indicada para ser utilizada sobre dentes naturais que já se apresentam com restaurações dentárias em resina ou amálgama ou que já suportam jaquetas em porcelana.

prótese dentária fixa sobre implantes

É a forma mais otimizada para reabilitar áreas com múltiplas perdas dentárias – ou apenas um dente ausente. Indicada para o tratamento com dentadura fixa ou para trocar a prótese dentária móvel, não necessita desgastar dentes naturais para servirem de suporte para os dispositivos. Enxertos ósseos e de gengiva, eventualmente, podem fazer parte da terapia com implantes ósseointegrados, o que pode fazer com o tratamento, em determinado casos, exija até doze meses de procedimentos para ser finalizado.

Zircônia: máxima estética para indivíduos com múltiplas perdas dentárias.

prótese dentária fixa em porcelana sobre zircônia é a técnica com resultados estéticos e de durabilidade mais expressivos disponíveis atualmente. Indicada desde o tratamento com coroa protética em porcelana a até mesmo a dentadura fixa em zircônia, a técnica elimina o metal de reabilitações orais extensas – essencial para indivíduos exigentes com a harmonia do sorriso ou alérgicos ao metal de próteses dentárias.

prótese dentária tipo protocolo em zircônia vem conquistando pacientes em tratamento para substituir dentaduras por por implantes dentários. Com estética dental marcante, é o procedimento ideal para indivíduos preocupados em melhorar a harmonia do sorriso e acabar com medos para deslocamentos frequentes dos dispositivos removíveis.

 

Protese Dentaria Movel Com Grampo Estético E Invisível
Fechamento de espaços entre dentes (diastemas) é uma das indicações para a faceta dentária tipo lente de contato dental.

 

 

Problemas e desvantagens.

Problemas no tratamento com facetas dentárias podem ser mais comuns do que se imagina. Entre as principais causas, estão as indicações equivocadas de técnicas e a baixa qualidade dos laminados, seja pelo material ou laboratório protético utilizado. Já as queixas e contratempos ficam por conta da sensibilidade dentinária residual e principalmente por resultados estéticos desastrosos.

A adoção de protocolos de segurança é indispensável para reduzir riscos. A seleção do menor número de dentes a serem revestidos, escolha por laminados mais conservadores como lentes de contato dental e fragmentos e utilização de guias de desgastes para técnicas com facetas de resina ou porcelana são apenas alguns procedimentos que garantem resultados efetivos sem contratempos pós tratamento.

NZKY3633 (1)

Gostaria de compartilhar em sua rede social?

É só clicar no ícone ao lado para compartilhar

Site criado pela Eriansoft - Todos os direitos reservados.