Restauração dentária com porcelana é mais durável e estética.

Restauração Dental Em Porcelana Blog

A restauração dental com porcelana deverá ser a nova febre entre os paciente à procura por tratamentos mais duráveis e estéticos. Nesse post, conheça as indicações e vantagens e o lançamento da técnica de fragmentação cerâmica que farão a cabeça de indivíduos em busca por tratamentos estéticos marcantes e definitivos em odontologia.

 Um pouco sobre a restauração em porcelana em dentes anteriores e posteriores

A popularidade das resinas para restaurar e recuperar dentes quebrados e cariados não está aí à toa. Afinal, o material é fácil de manipular, pode mimetizar todas as cores dentárias e o paciente já sai na mesma consulta com um dente novo em folha. Mas existe um outro lado pouco animador com relação à restauração dental com resina: com o passar dos anos, problemas como o amarelamento e manchamento do material e as fraturas farão dela motivo para visitas frequentes ao dentista.

Os recentes lançamentos de novos materiais e técnicas restauradoras, como os fragmentos cerâmicos e a restauração indireta em bloco na ténica  in-lay e on-lays em zircônia, aliados à bem vinda diminuição no preço desses tratamentos, facilitarão o acesso da técnica de restauração dental com porcelana para pacientes realmente exigentes com seus dentes e sorrisos. Veja as novidades divididas de acordo com a localização na arcada:

• em dentes anteriores

A técnica em porcelana para restauração em dentes anteriores é o fragmento cerâmico. Simples, também é indicado para dentes quebrados. E o acabamento e polimento final ainda podem ser feitos em boca, permitindo maior controle da estética e harmonia do tratamento.

• em dentes posteriores

É a mais antiga indicação para a restauração dental com blocos em porcelana. A novidade, entretanto, é que o procedimento pode ser realizado em zircônia, uma cerâmica (óxido cerâmico) resistente e estética, 100% confeccionada por fresadoras computadorizadas. A grande sacada desse tipo de restauração dental é o seu emprego para grandes cavidades ou fraturas de paredes dentárias.

• em dentes anteriores

A técnica em porcelana para restauração em dentes anteriores é o fragmento cerâmico. Simples, também é indicado para dentes quebrados. E o acabamento e polimento final ainda podem ser feitos em boca, permitindo maior controle da estética e harmonia do tratamento.

• em dentes posteriores

É a mais antiga indicação para a restauração dental com blocos em porcelana. A novidade, entretanto, é que o procedimento pode ser realizado em zircônia, uma cerâmica (óxido cerâmico) resistente e estética, 100% confeccionada por fresadoras computadorizadas. A grande sacada desse tipo de restauração dental é o seu emprego para grandes cavidades ou fraturas de paredes dentárias.

Restauração Dental Em Porcelana Dente Posterior
Restauração dental em porcelana : a opção mais resistente e duradoura é a técnica com porcelana ( on-lay cerâmico )

 

 

Os vários motivos que fazem da restauração em porcelana a escolha mais estética e durável

A restauração dental em porcelana é, indiscutivelmente, superior em estética, durabilidade e resistência ao amarelamento comparada à resina dentária. Entenda melhor porque a porcelana é o material ideal para as restaurações dentárias.

✓ durabilidade maior

A restauração dental com porcelana é o material com a maior durabilidade entre os disponíveis para restaurações em dentes quebrados ou cariados. E essa diferença na durabilidade não é pequena, já que a porcelana pode durar muitas vezes mais do que a resina quando a comparação é a utilização dos dois materiais em restaurações dentárias.

✓ maior resistência à fraturas

Além de mais duráveis, as restaurações dentárias com porcelana são sensivelmente mais resistentes ás forças de mastigação.

✓ maior resistência ao amarelamento

amarelamento e manchamento das restaurações dentárias com resinas é o principal motivo para as trocas frequentes desses materiais. Mais um ponto positivo para a porcelana, que resistem anos a fio ao amarelamento ou manchamento por cafés, nicotina, chás ou chimarrão.

✓ não perdem o brilho

A restauração em porcelana, além de resistente ao amarelamento e manchamento, também não perde o brilho. Já a resina composta rapidamente fica opaca e sem graça – as cerdas das escovas tendem a desgastar as camadas mais superficiais do material.

✓ resultados estéticos marcantes

É bom que se diga, antes de mais nada, que técnica com restauração em resina também produz resultados deslumbrantes. Entretanto, a restauração em porcelana oferece recursos estéticos mais interessantes na hora de simular diversas propriedades ópticas características dos dentes, como a transparência e opalescência. O que para alguns pode ser apenas detalhes, para outros é mais do que essencial.

✓ evitam os desgastes dentários nas trocas das restaurações com resinas.

A troca de qualquer tipo ou tamanho de restauração dental necessita a remoção de uma pequena parte sadia do dente. A repetição constante desse procedimento acarreta na diminuição do tamanho do dente ao longo dos anos. Como a restauração com porcelana necessita de poucas trocas ao longo da vida do paciente, menos desgastes desnecessários de estrutura sadia serão necessários. Mais segurança para o paciente.

✓  detalhes e polimentos finais são realizados em boca.

A técnica com fragmento cerâmico para a confecção da restauração dental com porcelana é até mais eficiente do que a utilizada nos tratamentos com facetas laminadas ou lentes de contato dental. Isso porque a forma e polimento final da restauração é feito diretamente sobre a porcelana após a sua cimentação – muito semelhante à técnica com restauração em resina. É um recurso interessante porque facilita a harmonização da restauração dental com porcelana com dentes, lábios e rosto do paciente.

✓ baixos índices de infiltrações por cáries dentárias

A técnica de restauração indireta com porcelanas trazem baixos índices de infiltração por cáries dentáriascomparadas às resinas compostas. Estudos realizados que acompanharam a vida dessas restaurações trazem resultadores animadores: passados 10 anos da instalação das restaurações, apenas 2% dos casos precisaram ser substituídos por problemas com infiltrações. Um índice muito baixo.

Restauração Dental Em Porcelana Dente Anterior
Restauração dental com porcelana : exemplo de situação indicada para a restauração dental com porcelana na técnica com fragmento cerâmico.

 

 

As indicações da restauração dental em porcelana.

• fraturas extensas em dentes anteriores

Fraturas extensas – que envolvem até 50% da cora do dente – podem ser recuperadas com porcelanas na técnica com fragmentos cerâmicos. Uma excelente opção em tratamento para quem quebrou o dente e já estava se conformando com a ideia de utilizar uma próteses dentária em porcelana para resolver o problema.

• cavidades extensas por cáries dentárias

Os fragmentos cerâmicos resolvem com sofisticação as múltiplas marcas de sobreposição de restaurações em resina sobre os dentes. Dentes anteriores ou posteriores podem se beneficiar da técnica, principalmente com cavidades muito extensas.

• fechamento de espaços entre os dentes (diastemas)

fechamento de diastemas é bem indicado tanto para a técnica restauradora em porcelana quanto resina. Entretanto, a vantagem óbvia das porcelanas é a durabilidade sensivelmente maior que a resina quando o que importa é a manutenção dos resultados estéticos por anos a fio, sem incomodações ou surpresas desagradáveis.

• pequenas correções de formas

É possível, com as restaurações em porcelana, obter resultados semelhantes aos vistos em tratamentos estéticos de impacto com lentes de contato dental. Até porque, a técnica e os materias são semelhantes. A vantagem é o preço mais em conta a favor da restauração dental em porcelana.

Quando a restauração em resina composta supera a técnica com porcelanas.

Existem situações em que as resinas compostas são opções mais interessantes do que as porcelanas em restaurações dentárias. A mais evidente delas são as pequenas cavidades ou fraturas dentárias, dada a facilidade e agilidade da técnica em resina para esses pequenos reparos.

Um outro fator que também impacta na escolha pela restauração com resina é o preço mais em conta do procedimento – e sem esquecer que, quanto menor é o tamanho da cavidade ou fratura, maior é a durabilidade e resistência à fratura da resina.

O passo-a-passo da restauração dentária com porcelana.

Uma diferença importante entre a porcelana e a resina na técnica com restauração dentária é que na primeira são necessárias duas consultas para o tratamento, enquanto a técnica de restauração com resina, mais prática e simples, é realizada em uma única consulta.

O esquema com procedimentos necessários para as restaurações em porcenala podem ser resumidas assim: na primeira consulta, é removida a restauração antiga e moldada a cavidade resultante. Enquanto as moldagens são enviadas para o laboratório de prótese dentária, o paciente aguarda tranquilamente a próxima consulta com uma restauração provisória em resina na área moldada.

O intervalo entre as duas consulta varia entre 7 a 10 dias. Na segunda consulta o dentista verifica a qualidade da adaptação da peça em porcelana que foi construída pelo técnico em prótese dentária e cimenta a restauração dental com porcelana ao dente – momento em que serão realizados as esculturas da formas e texturas e também o polimento final.

 

Restauração Dental Em Porcelana Fratura
restauração dental em resina : a pouca resistência ao desgaste do material pode levar a fraturas na estrutura dental ( detalhe ).

 

 

Prevenindo problemas pós cimentação da restauração em porcelana.

Alguns cuidados aumentam o tempo de vida – já bastante elevado – da restauração dental com porcelana. O principal deles é o uso de placas para bruxismo em pacientes com bruxismo severo – pacientes com excessivo desgaste nos dentes. Esses pacientes necessitam de cuidados especiais porque, apesar da alta resistência da restauração dental com porcelana, a remoção de placas muito apertadas podem descolar essas restaurações.

Outro cuidado importante para a manutenção da qualidade da restauração com porcelana e a saúde oral é a escovação dos dentes de forma mais adequada, com escolhas adequadas e técnica mais adequada.

Restaurações, laminados, facetas, lentes de contato dental e fragmentos: uma confusão mais do que natural.

As indicações de uso de diversas técnicas derivadas da laminação cerâmica (porcelana) não são mais suficientes para esclarecer pacientes sobre suas diferenças. São tão sutis os detalhes de cada técnica que, hoje em dia, interessa apenas ao dentista e ao laboratório de prótese dentária a identificação exata de cada uma. Não se preocupe com o nome da técnica: foque nos resultados e deixe tudo com o profissional responsável pelo seu sorriso.

Sobre a viabilidade da restauração dentária em porcelana baseada no menor preço da técnica com resina.

A sofisticação estética e funcional do tratamento para restauração dental com porcelana em dentes restaurados ou quebrados não é um luxo para poucos indivíduos. A técnica com porcelana pode custar até 4 vezes o valor da técnica com resina composta. São muitos os pontos que pesam na hora de decidir qual o melhor tratamento restaurador, mas dois deles pesam mais.

O primeiro ponto a ser levado em questão é a durabilidade da restauração dental em porcelana. A longo prazo, o preço mais elevado dessa técnica é compensada pelo menor número de trocas ao longo da vida do paciente. E o paciente deve levar em conta não somente os custos diretos envolvidos no tratamento, mas também os custos indiretos envolvidos no tratamento como deslocamentos ao consultório dentário e a disponibilidade de tempo para essas consultas.

O outro ponto – e talvez o mais importante – é a preservação da estrutura dental sadia. As trocas constantes da restauração dental em resina implicam no desgaste dessa estrutura sadia a cada troca. Isso significa a diminuição do remanescente dentário a cada troca, e o consequente enfraquecimento da estrutura. Em outras palavras: trocas constantes de restaurações dentárias podem evoluir para a necessidade de próteses dentárias para compensar a estrutura dentária muito diminuída.

Gostaria de compartilhar em sua rede social?

É só clicar no ícone ao lado para compartilhar

Site criado pela Eriansoft - Todos os direitos reservados.